Prefeitura de Chapadão do Céu alerta sobre o risco de dengue no período chuvoso

Esse período chuvoso tende a aumentar a proliferação de mosquitos, inclusive o Aedes Aegypti, vetor da dengue e de outras doenças, como Zika e Chikungunya. Por isso, a Prefeitura de Chapadão do Céu alerta que é essencial a população não relaxar e manter os cuidados necessários para evitar criadouros do mosquito.

A Secretaria Municipal de Saúde, através do Departamento de Combate às Endemias, realiza visitas em todas as residências e pontos comerciais do município mensalmente. As partes mais críticas e pontos estratégicos, como borracharias, cemitério municipal e praças, são visitados a cada 15 dias.

“Somos sete Agentes de Combate às Endemias (ACE) andando casa por casa, comércio por comércio, todos os dias. Em 2017 não houve caso de dengue registrado em Chapadão do Céu. Mas, quando há registros, nós fazemos um bloqueio de combate e aplicamos veneno na região onde o caso foi verificado para impedir a proliferação da doença”, explica João Félix, diretor do Departamento de Combate às Endemias.

O mosquito leva de sete a dez dias para se desenvolver de ovo a adulto e, segundo João Félix, a forma mais eficiente de evitar surtos das doenças transmitidas por ele é eliminar o ciclo de vida do inseto. Cada morador também deve cuidar de sua residência para que não haja locais com água parada para o mosquito se reproduzir.

 

 

*Assessoria de Imprensa

Comentários

Comentários